>> Produtos

  ____________________________

   >> Indústria

  ____________________________

  >> Têxtil

  ____________________________

  >> Comércio / Publicidade

  ____________________________

  >> Agricultura

​   ____________________________

  >> Automóvel

​   ____________________________

  >> Alimentar

​   ____________________________

    >> Outras áreas de atividade

 

    

 

Policloreto de Vinila (PVC)

PVC – O Policloreto de Vinila (PVC) é um dos plásticos mais versáteis e devido a esta característica este é um dos materiais mais estudados e utilizados da actualidade.  

Produzido a partir do Sal e principalmente do Petróleo, é um dos plásticos mais utilizados da actualidade.

A principal vantagem do PVC é a sua versatilidade.

Esta versatilidade faz com que o PVC esteja presente em nosso dia a dia nos mais diversos sectores da economia: 

•   Construção civil (forros, perfil de janelas, tubos, conexões, tapetes de banheiro, fios e cabos, mangueiras de jardim, pisos, juntas de dilatação e etc...) 

•    Indústria em geral (perfis rígidos, botas de segurança, luvas, mangueiras com e sem alma rígida e etc...) 

•    Indústria de brinquedos 

•    Indústria automóvel (fiação eléctrica, frisos laterais, mangueiras etc...) 

•    Indústria de calçados (solados, sandálias e etc...) 

•    Indústria médica/hospitalar (bolsas de sangue e soro, cateteres, conectores e etc...) 

•    Indústria de alimentos (filmes esticáveis, frascos, etc.)

 
   

Principais características do PVC

•   Durabilidade: produtos confeccionados a partir do PVC têm vida longa, viabilizando a sua aplicação em bens duráveis como tubos para água e esgoto, fios e cabos, perfis industriais, janelas, forros e etc... 

•   Não inflamável: devido ao cloro existente em sua molécula, o PVC não se queima com facilidade nem inflama sozinho. Por esta razão é extensivamente empregado para isolar e proteger cabos eléctricos e para outros insumos na indústria da construção, automobilística, electrodomésticos, bens de uso, etc. 

•  Estável quimicamente: de uma maneira geral o PVC tem boa resistência a ácidos e bases o que viabiliza a sua utilização na indústria médica/hospitalar, alimentícia e industrial. Devido a sua inércia química a embalagem de PVC preserva as propriedades organolépticas do produto embalado. 

•   Recuperação de energia: o PVC tem um alto valor energético. Nos sistemas modernos de valorização energética de resíduos, onde as emissões são muito controladas, o PVC pode fornecer energia e calor na indústria, residências ou em outros lugares. 

•  Fácil de processar: trabalhando com equipamentos adequados, o PVC é transformado na maioria dos processos industriais de transformação de materiais termoplásticos (injecção, extrusão, calandragem, sopro e etc...) 

•   Fácil de reciclar: devido ao fato de ser uma resina termoplástica o PVC é 100% reciclável. 

•  Propriedades de barreira: baixa permeabilidade ao oxigénio e ao gás carbónico o que viabiliza sua aplicação na indústria de alimentos. 

•   Resistente à luz 

•   Bom Isolante Térmico e Acústico

•   Excelente relação Custo / Benefício  

 

 
SMTP Error: Could not authenticate.